Vasco vence o líder Coritiba em São Januário e se aproxima do G-4

Vasco vence o líder Coritiba em São Januário e se aproxima do G-4
 

Veterano Nenê marca o gol decisivo no 2 a 1 deste sábado após Cano abrir o placar e Léo Gamalho empatar. Cariocas sobem para sexto e Coxa segue em primeiro
 
Tradição pelo passado, competitividade nas altura pelo presente, e um grande jogo em São Januário. Vasco e Coritiba fizeram valer o peso de suas camisas na partida deste sábado, pela 27ª rodada da Série B do Brasileirão. Melhor para os vascaínos, que venceram por 2 a 1, com gols de Cano e Nenê, e seguem sonhando com o acesso. Já o Coxa permanece no topo da tabela, mas com o "alerta ligado", como disse o autor do gol Léo Gamalho, ao chegar a quarto partidas sem vencer.
 
Com a vitória, o Vasco pulou para a sexta colocação, com 46 pontos, e está a quatro do Avaí, que fecha o G-4 e ainda encara o Confiança, fora de casa, na rodada. O próximo compromisso do time de Fernando Diniz é contra o Náutico, domingo (24), às 16h (de Brasília), nos Aflitos. Já o Coritiba, líder com 54 pontos, recebe o Sampaio Corrêa, terça-feira, 21h30, no Couto Pereira.
 
A atmosfera tomou conta, e o Vasco foi senhor da etapa inicial. Fosse com os avanços de Riquelme e Pec pela esquerda ou por triangulações no lado direito, era o time que Fernando Diniz quem tinha a bola no campo de ataque e deixava o Coritiba acuado. Foram 45 minutos onde Lucão praticamente não trabalhou. A disposição ofensiva vascaína foi retribuída com o gol de Cano, aos 18. Nenê escorou, Gabriel Pec chutou para Wilson dar rebote e o argentino escorar: 1 a 0 justo no intervalo.
 
Rafinha cobrou um Coritiba com postura de líder na descida para o intervalo, e a resposta veio com apenas 16 segundos de bola rolando para o apito final. O próprio veterano cruzou para Ricardo Graça falhar e Léo Gamalho empatar. O Vasco, por sua vez, não se abateu e logo deu a resposta com Nenê, aos dois minutos, após chute de Riquelme desviado por Cano. Wilton Pereira Sampaio esperou o VAR por cinco minutos até validar o gol. Era a senha para um segundo tempo intenso e aberto. O Coxa se lançou e os vascaínos tinham o contragolpe. Apesar dos espaços, Lucão e Wilson trabalharam pouco e os melhores momentos ficaram para habilidade de Riquelme em lances plásticos. No fim, o Coritiba apelou para bolas levantadas que não surtiram efeito.
 
Veterano decisivo: Nenê chegou ao terceiro gol em sete jogos pela Série B com a camisa do Vasco, além de somar uma assistência, e cada vez mais é peça fundamental na arrancada para tentar o acesso. Com liberdade para se preocupar praticamente somente em criar, o meia carimba todas as ações ofensivas do time de Fernando Diniz e foi decisivo novamente. Além do gol, escorou para Pec chutar em lance que resultou no gol de Cano. Está nas graças da torcida.
 
Veterano importante: O técnico Gustavo Morínigo começou a partida com Rafinha entre os reservas para segurar o ímpeto do Vasco dentro de casa, e foi castigado por isso. O Coritiba fez um péssimo primeiro tempo, Rafinha entrou nos minutos finais na vaga de Matheus Alexandre (foto) e fez um cobrança pública no intervalo: "Temos que jogar como líderes". Em campo, o veterano atacante fez jus ao que disse e foi fundamental para que o Coxa melhorasse na etapa final. Participou do gol e foi um dos melhores do time paranaense em campo. O gol sofrido na etapa inicial, por sua vez, fez a diferença e o time está há quatro rodadas sem vencer.
FICHA TÉCNICA
Vasco 2 x 1 Coritiba
Vasco: Lucão; Zeca (Léo Matos), Ricardo Graça, Leandro Castán e Riquelme (Válber); Bruno Gomes; Marquinhos Gabriel. Nenê (Léo Jabá), Gabriel Pec (Romulo) e Morato (MT); Germán Cano. Técnico: Fernando Diniz
Coritiba: Wilson; Natanael, Henrique, Luciano Castán e Guilherme Biro; Jhony Douglas (Gustavo Bochecha) e Val; Matheus Alexandre (Rafinha), Robinho (Waguininho) e Igor Paixão (Willian Alves); Léo Gamalho. Técnico: Gustavo Morínigo
Gols: Germán Cano (18-1º), Léo Gamalho (1-2º), Nenê (2-2º)
Cartões amarelos: Luciano Castán, Léo Gamalho (C); Marquinhos Gabriel, Ricardo Graça, Germán Cano (V)
Local: São Januário, no Rio de Janeiro (RJ), sábado (16/10) às 16h30
 
Fonte: Globo Esporte 

VEJA A TABELA COMPLETA DA SÉRIE B

Ficha Técnica: Bem Paraná 

Foto: Rafael Ribeiro/ Vasco da Gama

Vasco 2 x 1 coritiba Gols & Melhores Momentos 16/10/2021