Get Adobe Flash player

Palmeiras reencontra responsável por encerrar invencibilidade de um ano no Brasileirão

Palmeiras reencontra responsável por encerrar invencibilidade de um ano no Brasileirão
 

Depois de vencer com propriedade o São Paulo na última quarta-feira, o Palmeiras terá pela frente o Ceará, neste sábado, às 19h, no Allianz Parque. No primeiro turno, o Verdão visitou o Vozão, no Castelão, e foi derrotado por 2 a 0. Além do resultado negativo, o revés também representou a queda de uma grande invencibilidade do Alviverde no Campeonato Brasileiro.

A derrota para o Ceará aconteceu no dia 20 de julho, quase um ano depois do último revés do Palmeiras no Brasileirão. O Verdão não perdia uma partida na competição desde o dia 25 de julho de 2018, quando foi batido por 1 a 0 pelo Fluminense. O jogo contra o Tricolor das Laranjeiras, inclusive, foi o último de Roger Machado no comando do clube. O treinador foi demitido no dia seguinte.

Desde então, o Palmeiras construiu uma sequência de 33 partidas de invencibilidade no Campeonato Brasileiro. No fim de 2018, foram 17 vitórias e seis empates. Neste ano, o Alviverde venceu oito jogos e empatou outros dois antes de ser derrotado pelo Ceará.

O revés contra o Vozão foi determinante na fase negativa que o Palmeiras viveu neste Brasileirão. Isso porque foi o segundo jogo da sequência de sete partidas sem vencer do Verdão na competição. Antes de perder para o Ceará, o time havia empatado com o São Paulo.

A pressão sobre Felipão por melhores resultados e desempenho em campo passaram a aumentar a cada jogo e, após a derrota acachapante por 3 a 0 para o Flamengo, no Maracanã, o treinador foi demitido. Mano Menezes foi o escolhido pela diretoria para ser o novo técnico do Verdão, estreando com vitória sobre o Goiás, no Serra Dourada.

No momento, o Palmeiras é o segundo colocado do Campeonato Brasileiro, com 60 pontos somados. Depois de enfrentar o Ceará, neste sábado, o Verdão terá pela frente o Vasco, na quarta-feira que vem, em São Januário.
 
Fonte: Onefootball
Eternamente Futebol 
em 02 de novembro de 2019