Get Adobe Flash player
Recomende este Site!

Depois de rebaixamento, Sampaio anuncia o treinador Flávio Araújo

Depois de rebaixamento, Sampaio anuncia o treinador Flávio Araújo
 
 
Na tarde desta terça-feira, o Sampaio Corrêaanunciou um velho conhecido para o comando do time na próxima temporada: Flávio Araújo. Esta será a quarta passagem do treinador pelo clube maranhense.
 
O comandante chega com o objetivo de retornar à Segundona do Brasileiro em 2019. Na temporada 2018, o Sampaio acabou rebaixado para a Série Capós terminar na 18ª colocação do campeonato nacional, com 38 pontos.
 
“Dentre os treinadores que estava tratando, o Flávio era o meu preferido. Pela sua história vitoriosa no clube, experiência e capacidade de montar equipes competitivas. Foi o primeiro passo para montarmos um grupo forte e disputarmos todas as competições no próximo ano sempre brigando por títulos”, declarou o presidente boliviano.
 
Histórico de Flávio Araújo 
 
Flávio José Araújo, mais conhecido como Flávio Araújo (Fortaleza30 de Janeiro de 1963), é um ex-futebolista e atual treinador de futebol brasileiro. Atualmente está no Sampaio Corrêa.
 
 

Flávio Araújo jogou profissionalmente no Ceará, Fortaleza e outras equipes do futebol cearense. em seguida iniciou sua carreira de treinador, no Icasa e passou por diversas equipes na região Nordeste, até voltar ao Fortaleza.Se demitiu do América-RN no dia 26 de fevereiro, após perder o título do primeiro turno potiguar para o maior rival, ABC. em março de 2012, foi anunciado como novo treinador do Sampaio Corrêa. Após a conquista do Campeonato Maranhenses e do Campeonato Brasileiro da Série D (ambas conquistas de forma invicta), Flávio Araújo assumiu o Clube do Remo, de Belém do Pará. Retornou ao Sampaio Corrêa onde conquistou o acesso à Série B.

 

Fracasso no Remo e volta ao Sampaio

 

Após não conseguir classificar o Clube do Remo para a fase final de disputa do Campeonato Paraense de Futebol, Flávio Araújo retorna ao Sampaio Corrêa. Na série D, Flávio conseguiu o acesso e, posteriormente, o título junto à esquipe maranhense. No ano seguinte conseguiu novamente um novo acesso com o Sampaio Corrêa, desta vez para a Série B, porém não conseguiu o título da Série C desse ano, ficando com o Santa Cruz. Após ser eliminado da Copa do Brasil de 2014 para o Palmeiras, porém mantendo resultados regulares durante a Série B, Flávio deixa o Sampaio Corrêa, alegando um desgaste em suas relações com a diretoria.

 

Na terça-feira 22 de julho de 2014, anuncia sua saída do Sampaio Corrêa. Segundo o próprio treinador, a situação entre comissão técnica e clube já estava desgastada e chegou a hora de procurar novos ares. Ele é um dos técnicos mais vitoriosos da história do Sampaio Corrêa.

 

Responsável pelos dois últimos acessos do Sampaio Corrêa (da Série D para a Série C em 2012 e da Série C para a Série B em 2013), o treinador ainda acumulou dois Estaduais e duas Copas São Luís pelo Tubarão. Muito querido pelos torcedores, ele agradeceu todo o apoio que teve no Sampaio e desejou sorte para a sequência da Série B.

 

A redenção com o Ríver

 

Ao final do ano de 2014, Flávio Araújo foi anunciado pela diretoria do Ríver Atlético Clube como o novo técnico para a temporada de 2015. Ele retorna após oito anos. Em 2006, em curta passagem, comandou o clube na reta final do Campeonato Piauiense, sem muito sucesso. No ano seguinte o clube conquistou o título estadual, comandado por Fernando Polozzi e nos anos seguintes amargara sucessivos fracassos, até voltar a ser campeão em 2014.

 

Campeão Piauiense em 2014, o River apostou na contratação de Flávio como o treinador ideal para recolocar o clube na trilha das grandes conquistas.

Flávio Araújo teve seu retorno anunciado oficialmente em novembro. Sob seu comando no ano de 2015, o Tricolor Mafrense foi eliminado na Copa do Nordeste e na Copa do Brasil na 1ª fase em ambas as competições, mas conquistou o Bicampeonato Piauiense e ainda realizou um feito inédito na história do futebol piauiense, com a conquistar do Vice-campeonato do Campeonato Brasileiro da Série D de 2015, o Ríver é o primeiro clube piauiense a ascender de divisão a nível nacional, ganhando o direito de disputar a Série C em 2016. Em reconhecimento ao seu trabalho no comando do Galo Carijó, a Câmara dos Vereadores de Teresina concedeu a Flávio Araújo título de Cidadão Teresinense.

 

O retorno ao Fortaleza

 

Flávio Araújo foi a primeira contratação do Fortaleza Esporte Clube para a temporada de 2016, seus recentes passagens vitoriosas com ascensão de divisão por clubes nordestinos foi o principal fator que motivou sua contratação. Está é sua terceira passagem pelo Tricolor de Aço, seu principal objetivo será conquistar o acesso para a Série B de 2017. Em 2016 o Fortaleza disputará o Bicampeonato Cearense, a Copa do Nordeste, a Copa do Brasil e o Campeonato Brasileiro da Série C.

 

No dia 4 de março de 2016, Flávio Araújo foi demitido por mal desempenho no início da Copa do Nordeste.

 

Mogi Mirim

 

Em 07 de março de 2016, Flávio Araújo é anunciado como novo técnico do Mogi Mirim para o restante do Campeonato Paulista. Flávio Araújo rescindiu o contrato com o Mogi Mirim no dia 15 de abril de 2016, após 7 jogos no comando da equipe paulista, foram 2 vitórias, 2 empates e 3 derrotas, deixando o Mogi Mirim na 16ª posição da classificação geral do Campeonato Paulista, a 2 pontos de deixar a zona de rebaixamento.

 

Cuiabá

 

Em 20 de abril de 2016, Flávio Araújo foi confirmado como novo treinador do Cuiabá Esporte Clube para o restante da temporada, visando principalmente o Campeonato Brasileiro - Série C. Em 11 de julho de 2016, Flávio Araújo se demitiu do comando do Cuiabá após uma sequência negativa de resultados no Campeonato Brasileiro - Série C.

 

Retorno ao Sampaio Corrêa

 

No dia 03 de agosto de 2016, Flávio Araújo acertou seu retorno ao comando do Sampaio Corrêa para o restante da temporada, ele chega com uma missão diferente das outras vezes em que ele esteve à frente do clube maranhense, dessa vez a missão será retirar a equipe da zona de rebaixamento da Série B do Brasileirão.

Em novembro a diretoria do Sampaio Corrêa confirmou a saída de Flávio Araújo do clube, ele comandou a equipe em 18 jogos, sendo 3 vitórias, 6 empates e 9 derrotas com aproveitamento total de 27, 78%.

 

Segunda passagem pelo América-RN

 

Em 11 de março de 2017, a diretoria do América-RN oficializou a contratação de Flávio Araújo como novo técnico da equipe, o treinador tem por objetivo recuperar o emocional do time para o restante da temporada, com vasta experiência no futebol e com um bom retrospecto no comando do clube em 2011, época que conseguiu o acesso à Série B do Brasileiro com o Alvirrubro, o trabalho poderá render bons frutos. Flávio Araújo deixou o comando do América-RN ainda no primeiro semestre de 2017.

 

CSA

 

No dia 08 de setembro de 2017, Flávio Araújo acertou com o CSA para o restante da Série C, conhecido como "Rei dos Acessos" , o treinador inicia seu trabalho no clube alagoano em busca de seu sexto acesso em campeonatos brasileiros na carreira. Em outubro de 2017, Flávio Araújo festeja seu acesso e título da Série C com o CSA, esse título se torna um marco histórico do treinador no comando do Azulão, ele começou seu trabalho na última rodada da primeira fase da competição e conduziu o clube até o titulo.

No dia 16 de fevereiro de 2018, a diretoria do CSA anuncia a saída de Flávio Araújo do comando da equipe, o experiente treinador que conquistou o acesso e o título da Série C de 2017 com o clube, deixa a equipe devido ao mal início de temporada do Azulão.

 

Treze-PB

 

Em 20 de fevereiro de 2018, a diretoria do Treze-PB anunciou Flávio Araújo como novo treinador do clube para o restante da temporada, o treinador terá três competições para disputar no comando do Galo da Borborema: Campeonato Paraibano, Copa do Nordeste e no fim de abril início da Série D

 

 

Fonte: Gazeta Esportiva
Fonte do histórico: Wikipédia 
Treinador chega para quinta passagem pelo Sampaio (Foto: Divulgação/Sampaio)
Divulgação: Site Eternamente Futebol
Em 04/12/2018