Get Adobe Flash player
Recomende este Site!

Em noite de Vitor Caetano, Figueira e Guarani empatam em 0 a 0

Em noite de Vitor Caetano, Figueira e Guarani empatam em 0 a 0
 
 
O Figueirense recebeu o Guarani na noite desta terça-feira, no estádio Orlando Scarpelli, pela 35ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. Sem chance de acesso à elite do futebol nacional, os catarinenses, que chegaram a figurar por algumas rodadas no G4 da competição, sofreram com o poderio ofensivo do Bugre, que, por sua vez, parou diversas vezes no jovem goleiro Vitor Caetano, grande responsável pelo empate em 0 a 0 em Florianópolis.
 
O jogo – Jogando em casa, o Figueirense tratou de manter a maior posse de bola, mas não foi tão eficiente quanto o adversário, que preferiu apostar nas ligações diretas para surpreender. A primeira boa chance da partida aconteceu 14 minutos, quando Rafael Longuine ajeitou para Jefferson Nem, que, por sua vez, bateu cruzado, obrigando o jovem goleiro Vitor Caetano a fazer boa defesa.
 
O Figueirense respondeu aos 25. Renan Mota acionou Felipe Amorim, que conduziu a bola até a entrada da área e bateu firme, carimbando a trave esquerda do goleiro Agenor. Mas se enganou quem pensava que a partir daí os donos da casa iriam ganhar mais confiança para se impor e dominar o Guarani. Quatro minutos depois, Rafael Longuine saiu cara a cara com o goleiro rival, que fez outra excelente defesa para evitar o gol bugrino.
 
Antes do apito final, o Guarani ainda teve mais uma oportunidade de ir para o intervalo com a vantagem no marcador, entretanto, o goleiro Vitor Caetano estava mesmo inspirado e novamente foi decisivo para o Figueirense. Aos 38 minutos, Poveda recebeu lançamento, entrou na área e bateu na saída do camisa 12, que se esticou para fazer outra intervenção e salvar os donos da casa.
 
No segundo tempo pouca coisa mudou. O Guarani seguiu pressionando, enquanto o goleiro Vitor Caetano continuou sendo a pedra no sapato do time de Campinas. Aos 15 minutos, Ricardinho recebeu e decidiu chutar de muito longe, pegando em cheio na bola e mandando no ângulo. O arqueiro rival, contudo, estava esperto para somar mais uma excelente defesa.
 
Já nos minutos finais ambas as equipes acabaram diminuindo o ritmo. Sem a mesma ambição pelo gol de outros momentos da partida, os atletas, já desgastados, preferiram não forçar, se poupando para as últimas três rodadas da Série B.
 
FICHA TÉCNICA

FIGUEIRENSE 0 X 0 GUARANI
 
Local: estádio Orlando Scarpelli, em Florianópolis (SC)
Horário: 21h30 (de Brasília)
Data: 6 de novembro de 2018, terça-feira
Árbitro: João Batista de Arruda (RJ)
Assistentes: Wendel de Paiva Gouvea (RJ) e Diogo Carvalho Silva (RJ)
Cartões amarelos: Pereira, Betinho e Daniel Costa (Figueirense); Philipe Maia, Fabrício, Caíque e Kevin (Guarani)
FIGUEIRENSE: Vitor Caetano; Matheus Sales, Henrique Trevisan, Nogueira e João Paulo; Betinho, Pereira (Marco Antônio), Gustavo Ferrareis (Romarinho) e Renan Mota; Felipe Amorim (Daniel Costa) e Elton
Técnico: Rogério Micale
GUARANI: Agenor; Kevin, Philipe Maia, Fabrício e Romário; Willian Oliveira, Ricardinho, Jefferson Nem (Caíque), Denner (Rondinelly) e Rafael Longuine (Matheus Oliveira); Poveda
Técnico: Umberto Louzer
 
Fonte: Gazeta Esportiva
Divulgação: Site Eternamente Futebol 
VEJA A TABELA COMPLETA DA SÉRIE B 
Guarani e Figueirense não saíram do 0 a 0 nesta terça-feira, em Florianópolis (Foto: Figueirense/Divulgação)
Cnfira os principais momentos:https://youtu.be/zILolS4h4DU