Get Adobe Flash player
Recomende este Site!

Fortaleza define os detalhes da apresentação do técnico Rogério Ceni, que ocorrerá na Arena Castelão

Fortaleza define os detalhes da apresentação do técnico Rogério Ceni, que ocorrerá na Arena Castelão

 

 

Rogério Ceni chega para treinar o Tricolor no ano do centenário do clube. Foto: Divulgação

Tudo definido: Rogério Ceni será apresentado ao torcedor do Fortaleza na próxima quarta-feira (15), em pleno feriado. Os detalhes da chegada do treinador foram revelados pelo clube neste fim de semana. O evento de apresentação será realizado na Arena Castelão e terá início às 16h. Sócios-torcedores terão acesso gratuito ao evento. Já o torcedor não sócio precisará pagar ingresso, que custa R$ 30 a inteira e R$ 15 a meia.

 

 

Na ocasião, também será lançada a camisa oficial do treinador, que chega ao clube com o slogan "O M1to é do Leão". O evento de apresentação também será animada pelo show da dupla Fran & Diego na área VIP Premium do estádio. Antes do evento com a torcida, Rogério Ceni concederá entrevista coletiva à imprensa no auditório da Secretaria do Esporte do Estado (Sesporte), na Arena Castelão.

 

 

Anunciado como treinador na última sexta-feira, Rogério Ceni chega ao Tricolor na companhia de três profissionais: o francês Charles Hembert (supervisor técnico), Nelson Simões (Auxiliar Técnico) e Danilo Augusto (Preparador Físico). No dia seguinte após ser confirmado como técnico, o ex-goleiro divulgou um vídeo cumprimentando o torcedor do Fortaleza.

 

 

DE ÍDOLO A TREINADOR

 

 

Considerado o maior jogador da história do São Paulo, Rogério Ceni pendurou as chuteiras em 2015 e, menos de um ano depois (após passar um período de estudos na Inglaterra), deu início a sua carreira de treinador, assumindo o comando do São Paulo em novembro de 2016.

 

 

No comando do tricolor paulista, foram 37 partidas, iniciando o trabalho no torneio Florida Cup e terminando na 11ª rodada do Campeonato Brasileiro.O aproveitamento de Ceni como treinador do São Paulo foi de 49,5%. Foram 14 vitórias, 13 empates e dez derrotas, com 55 gols pró e 42 contra.

 

 

Na Série A de 2017, Ceni deixou o time na 17ª colocação do campeonato. No Paulista, o São Paulo comandado pelo ex-goleiro não passou das semifinais diante do Corinthians. Na Sul-Americana, a eliminação veio na primeira fase para o Defensa y Justicia. Na Copa do Brasil, o time do Morumbi perdeu para o Cruzeiro nas quartas de final.

 

 

 

 

BRUNO BALACÓ - O Povo

 

Divulgação: Site Eternamente Futebol