Ceará vira sobre o Fluminense no Maracanã, mas cede empate no final

Ceará vira sobre o Fluminense no Maracanã, mas cede empate no final 
 
Após uma semana sem jogos, o Ceará voltou a campo neste sábado, 17, às 19 horas, no Maracanã, com o Fluminense como adversário. O Tricolor das Laranjeiras saiu na frente com Luiz Henrique, aos 12 minutos do primeiro tempo. Aos 41 da primeira etapa, o Vovô empatou, com gol contra de Hudson. A virada dos cearenses veio aos 32 minutos da etapa final, com Vina. Porém, os cariocas voltaram a empatar aos 45 minutos do segundo tempo, com Danilo Barcelos. O resultado deixa o Alvinegro parcialmente na 12ª colocação do Brasileirão, com 19 pontos, enquanto o Flu soma 26 e ficou na sexta posição da competição.
 
O próximo compromisso do Ceará será na próxima quarta-feira, 21, contra o Fortaleza, às 21h30min, na Arena Castelão, pela partida de volta da final do Campeonato Cearense. Para ser campeão estadual, o Vovô tem que vencer por dois de diferença. Já o clube carioca recebe o Santos no próximo domingo, 25, às 16 horas, no Maracanã, pelo Brasileirão.
 
O primeiro tempo teve momentos distintos. O Fluminense iniciou melhor a partida, girando bem a bola e buscando envolver a marcação alvinegra. O resultado disso foi o gol de Luiz Henrique, aos 12 minutos. O ataque tricolor armou jogada pela esquerda e Danilo Barcelos cruzou na área. A bola foi desviada pelo meia-atacante de 19 anos, que balançou as redes pela primeira vez como jogador profissional.
 
Após o tento, os donos da casa recuaram em campo, enquanto o Vovô adotou postura mais ofensiva e agressiva. Com a proximidade do fim da primeira etapa, o Alvinegro de Porangabuçu criou boas chances de empatar, principalmente pelo lado esquerdo, com Bruno Pacheco e Léo Chu. A igualdade veio aos 41 minutos. Após cobrança de escanteio, Charles desviou a bola no primeiro pau para o meio da área. A pelota tocou em Hudson, do Flu, e entrou no gol defendido por Muriel. Dessa forma, a primeira metade do jogo acabou com o placar de 1 a 1.
 
No segundo tempo o Ceará evoluiu, com maior domínio das ações do jogo e melhor encaixe na marcação. Além disso, o Vovô criou as melhores chances para desempatar o confronto, principalmente com as investidas de Léo Chu pela esquerda.
 
O bom momento resultou na virada alvinegra. Aos 32, Vina roubou a bola de Digão no campo defensivo adversário, avançou e driblou Muriel. O meia-atacante do Vovô tocou para o fundo das redes e virou a partida. O atleta se machucou no lance e foi substituído.
 
Quando a partida parecia se encaminhar para a vitória alvinegra, veio o empate do Tricolor das Laranjeiras. Após lançamento na área, Fred subiu de cabeça. A bola sobrou para Danilo Barcelos, que tocou para o fundo das redes. Desta forma, o placar ao final do jogo foi 2 a 2.
 
FICHA TÉCNICA:
FLUMINENSE 2 X 2 CEARÁ

Data/Hora: 17/10/2020, às 19h
Local: Maracanã, Rio de Janeiro (RJ)
Árbitro: Gilberto Rodrigues Castro Junior (PE)
Assistentes: Clovis Amaral da Silva (PE) e Ricardo Bezerra Chianca (PE)
Árbitro de vídeo: Jean Pierre Goncalves Lima (RS)  
Gramado: Ruim 
Cartões amarelos: Tiago e Pedro (CEA) / André, Igor Julião e Digão (FLU) 
Cartão Vermelho: -

Gols: Luiz Henrique 12' 1ºT (1-0) / Hudson 40' 1ºT (1-1) / Vina 32' 2ºT (1-2) / Danilo Barcelos 46' 2ºT (2-2)

FLUMINENSE: Muriel, Igor Julião, Nino, Digão e Danilo Barcelos; Dodi, Hudson (Caio Paulista - Intervalo) e Yago Felipe (André 2' 1ºT ((Felippe Cardoso 38' 2ºT)); Nenê (Ganso 21' 2ºT), Luiz Henrique (Marcos Paulo 21' 2ºT) e Fred; Técnico: Odair Hellmann

CEARÁ: Fernando Prass, Fabinho, Tiago Pagnussat, Eduardo Brock, Bruno Pacheco; Charles, Pedro Naressi (Leandro Carvalho 25' 2ºT) , Vina (Lima 35' 2ºT); Fernando Sobral, Léo Chú (Kelvyn 35' 2ºT) e Rafael Sobis (Cléber 25' 2ºT). Técnico: Guto Ferreira
 
Crônica: Gabriel Lopes - O Povo 
20h52 | 17/10/2020
Ficha Técnica: LANCE! 
(Foto: LUCAS MERÇON / FLUMINENSE F.C.)
Tabela:BRASILEIRÃO SÉRIE A
MELHORES LANCES E GOLS:https://www.youtube.com/watch?v=lBb-VEVRHgc