Ex-presidente da Fifa , Joseph Blatter , pede suspensão de Infantino

Ex-presidente da Fifa , Joseph Blatter , pede suspensão de Infantino
 
BERNA (Reuters) - O ex-presidente da Fifa Joseph Blatter defendeu que seu sucessor, Gianni Infantino, seja suspenso pela entidade que controla o futebol mundial depois que um processo criminal foi aberto contra Infantino na Suíça.
 
As autoridades suíças disseram na quinta-feira que um processo foi instaurado contra o atual chefe da Fifa por um promotor especial que está analisando as reuniões de Infantino com o procurador-geral suíço Michael Lauber.
 
Lauber e Infantino negam irregularidades.
 
"Para mim, a situação é clara: o comitê de ética da Fifa precisa abrir um processo contra Infantino e, então, suspendê-lo", disse Blatter, de 84 anos, em comunicado à Reuters.
A Fifa não respondeu imediatamente a um pedido de comentário sobre a declaração de Blatter.
 
Blatter, que foi presidente da Fifa por 17 anos, foi suspenso e depois banido pelo comitê de ética da entidade depois que se tornou alvo de um processo criminal na Suíça em 2015.
 
A investigação ainda está em andamento, e Blatter, que nega irregularidades, não foi acusado formalmente. O caso refere-se ao pagamento de 2,2 milhões de dólares feito em 2011 ao então presidente da Uefa Michel Platini, com a aprovação de Blatter, por trabalho que o francês havia feito uma década antes.
 
Blatter foi banido por oito anos, teve a pena reduzida para seis em recurso, e Platini também por oito anos, reduzida para quatro. Platini nega irregularidades.
 
 
Em 32 de julho de 2020 - 15h30min
 
Fonte: REUTERS 
Foto: Reuters/Hannibal Hanschke